Deputado Osmar Terra, que subestimou a pandemia, testa positivo para a covid-19

deputado federal Osmar Terra (MDB-RS), conhecido pelas atitudes negacionistas e pelas diversas previsões erradas sobre o coronavírus, testou positivo para a doença. O anúncio foi feito pelo parlamentar em seu perfil no Twitter nesta sexta-feira, 13.

No início da pandemia, Terra foi alçado ao posto do guru do bolsonarismo na área da saúde e subestimou o número de mortos. O País já tem 5,7 milhões de casos confirmados e supera 164 mil óbitos.

“Estou bem e sem sintomas. Já iniciei tratamento precoce com hidroxicloroquina e ivermectina. Comecei o isolamento em casa e cumprirei minha agenda de forma remota nos próximos dias seguindo instruções médicas”, publicou na rede social.

Ex-ministro da Cidadania, Terra foi um dos principais críticos do distanciamento social e defensor do isolamento vertical, no qual a quarenta é feita apenas por idosos e pessoas do grupo de risco. O discurso também foi adotado pelo presidente Jair Bolsonaro, que argumenta que “tão importante quanto preservar vidas, é preservar a economia”.

Nesta sexta-feira, 13, por exemplo, o presidente se referiu a segunda onda doença como “conversinha”. No dia 18 de março, Terra disse que o coronavírus mataria menos que o H1N1, que vitimou 2.098 pessoas em 2009. Em 7 de abril, ele fez outra falsa previsão e disse que a covid-19 mataria menos que a gripe sazonal no Rio Grande do Sul, mencionando 950 mortos. O número foi alcançado três dias depois. Dois dias depois, em conversa com o atual ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, o deputado tentou acertar outra vez e chutou “entre 3 e 4 mil mortos”.

Fonte: https://www.noticiasaominuto.com.br/politica

Foto: Divulgação

Paulo de Pádua

Paulo de Pádua Vasconcelos é jornalista formado pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Tem especialização em Assessoria de Imprensa, no Curso de Comunicação Social, concluído pela FESP. Trabalhou, como repórter, em vários portais do Estado, a exemplo do WSCOM e ParlamentoPB, no BLOG de Luís Torres, por um determinado período, e também foi repórter dos cadernos de cidade, policial e política dos Jornais A UNIÃO e do extinto O NORTE. Além disso, foi coordenador de Comunicação Social e depois coordenador do Portal da Câmara Municipal de João Pessoa. Atualmente exerce a função de assessor de imprensa da Presidência da Câmara.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *