Emlur e Ecobras instalam pontos de coleta de lixo eletrônico na Orla

Três pontos de coleta de lixo eletrônico serão instalados na Orla Marítima de João Pessoa nos finais de semana, a partir desta sexta-feira (04). A ação se deve à parceria entre a Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur) e a Ecobras, empresa paraibana que trabalha com reciclagem de equipamentos eletrônicos. Mensalmente a empresa chega a recolher de 30 a 40 toneladas. Com a instalação dos novos pontos, a expectativa é recolher mais 20 toneladas por mês.

Os pontos de coleta estarão aptos a receber todo tipo de material eletrônico (com exceção da linha branca, pilhas e lâmpadas). O serviço vai funcionar duas vezes por semana, sextas de 9h às 16 horas e aos sábados de 9h às 13 horas no Busto de Tamandaré, na divisa entre as praias de Manaíra e Bessa e no final da Avenida Rui Carneiro. Membros da Equipe de Educação Ambiental da Emlur estarão nos postos orientando os cidadãos que forem repassar os produtos ou mesmo aqueles que estiverem no calçadão passeando ou praticando esporte.

A ação esta respaldada na Lei nº 12.160, de 15 de setembro, de 2011, sancionada pelo Poder Executivo Municipal, que institui normas, prazos e procedimentos para o gerenciamento, coleta, reutilização, reciclagem e destinação final do lixo tecnológico e dá outras providências. A legislação determina que os produtos descartados e resíduos tecnológicos devem ser coletados, reutilizados, reciclados e receber tratamento final específico e ambientalmente adequado pelas empresas que fabricam, produzem, importam, distribuem e comercializam esses equipamentos ou seus componentes.

“O nosso objetivo é a preservação do meio ambiente através da coleta e destinação correta de resíduos eletrônicos, com base no respeito ao meio ambiente e nos três ‘R’s – Reduzir, Reutilizar e Reciclar. É mais uma oportunidade daqueles cidadãos que possuem objetos eletrônicos guardados em casa, sem uso, darem a destinação adequada”, observa Lucius Fabiani, superintendente da Emlur. A Autarquia possui um ponto fixo de recolhimento de equipamentos eletrônicos próximo ao Parque Arruda Câmara (Bica), no Bairro do Roger.

O diretor da Ecobras, Franco Spessotto, esclarece que a população pode levar aos pontos de coleta diversos itens como componentes de computadores e seus periféricos; televisores e monitores; baterias de chumbo; produtos magnéticos; ar condicionado; aparelhos de celular ou qualquer aparelho eletro-eletrônico que acumule energia. “Disponibilizamos um serviço gratuito e transparente de coleta e destinação de resíduos eletrônicos, além de estimularmos a conscientização dos envolvidos sobre a importância do processo de reciclagem”, enfatiza.

Casa da Criança com Câncer – Quem comparecer aos postos de coleta estará auxiliando também a Casa da Criança com Câncer. A Ecobras efetua uma doação de R$ 50,00 a cada tonelada arrecadada.

Cata Treco – Para os pontos de coleta não devem ser levados produtos como geladeira, fogão ou máquina de lavar. Para esses produtos de porte maior a população pode acionar outro serviço oferecido pela Emlur, o Cata Treco, por meio do 0800 083 2425. O serviço é gratuito. A coleta abrange qualquer objeto de grande porte (sofás, armários) e é feita na residência do solicitante.

Secom-JP

Paulo de Pádua

Paulo de Pádua Vasconcelos é jornalista formado pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Tem especialização em Assessoria de Imprensa, no Curso de Comunicação Social, concluído pela FESP. Trabalhou, como repórter, em vários portais do Estado, a exemplo do WSCOM e ParlamentoPB, no BLOG de Luís Torres, por um determinado período, e também foi repórter dos cadernos de cidade, policial e política dos Jornais A UNIÃO e do extinto O NORTE. Além disso, foi coordenador de Comunicação Social e depois coordenador do Portal da Câmara Municipal de João Pessoa. Atualmente exerce a função de assessor de imprensa da Presidência da Câmara.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *