Google remove mais de 500 extensões maliciosas do Chrome

O Google removeu mais de 500 extensões maliciosas da Web Store do Chrome, após um levantamento de dois meses conduzido pela pesquisadora de segurança Jamila Kaya e pela equipe de segurança Duo, da Cisco.

As extensões removidas injetavam anúncios maliciosos (malvertising) nas sessões de navegação dos usuários. Sob certas condições, o malware redirecionou os usuários para sites específicos, alguns legítimos como Macys, Dell ou BestBuy, mas em outros casos o destino seria algo malicioso, como um site de download de malware ou uma página de phishing.

O CRXcavator é um serviço que analisa extensões do Chrome, no qual foi possível descobrir um cluster inicial de extensões que são executadas sobre uma base de código quase idêntica, mas usavam vários nomes genéricos, com poucas informações sobre seu verdadeiro objetivo. Segundo Duo, essas primeiras séries de extensões tinham uma contagem total de instalação de mais de 1,7 milhão de usuários do Chrome.

“Subsequentemente, procuramos o Google com nossas descobertas, que foram receptivas e colaborativas na eliminação das extensões”, lembra a pesquisadora. A própria empresa também conduziu uma investigação e encontrou ainda mais extensões que se encaixavam no mesmo padrão. No total, 500 extensões foram banidas e não está claro quantos usuários as instalaram – mas é provável que o número esteja na faixa de milhões.

Fonte: Olhar Digital

Foto: iStock

 

Paulo de Pádua

Paulo de Pádua Vasconcelos é jornalista formado pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Tem especialização em Assessoria de Imprensa, no Curso de Comunicação Social, concluído pela FESP. Trabalhou, como repórter, em vários portais do Estado, a exemplo do WSCOM e ParlamentoPB, no BLOG de Luís Torres, por um determinado período, e também foi repórter dos cadernos de cidade, policial e política dos Jornais A UNIÃO e do extinto O NORTE. Além disso, foi coordenador de Comunicação Social e depois coordenador do Portal da Câmara Municipal de João Pessoa. Atualmente exerce a função de assessor de imprensa da Presidência da Câmara.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *