Governo do Estado firma convênio técnico com a Funasa para controle de qualidade da água na Paraíba

Um Convênio de Cooperação Técnica visando a qualidade da água foi firmado na manhã desta quarta-feira (8) entre O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Infraestrutura, dos Recursos Hídricos, do Meio Ambiente e da Ciência e Tecnologia (SEIRHMACT) e Fundação Nacional de Saúde (Funasa), através de sua Superintendência na Paraíba. O acordo foi firmado nas dependências da Funasa, em João Pessoa, com a presença do secretário João Azevedo e da superintendente Ana Cláudia Oliveira da Nóbrega Vital do Rêgo.
O Convênio de Cooperação tem como objetivo o apoio ao controle da qualidade da água para o consumo humano nos sistemas implantados pelo Governo do Estado em parceria com o programa do Governo Federal, “Água para Todos”. Serão 192 sistemas construídos pelo governo paraibano, ação que irá beneficiar cerca de 10 mil famílias em toda a Paraíba.  Os sistemas são compostos pela perfuração de poços, adutoras, reservatórios com distribuição e tratamento (clorador e fluoretador) e ligações domiciliares.

O secretário João Azevedo, responsável pela SEIRHMACT, afirmou que como o Governo do Estado está implantando um programa bastante abrangente, o “Água para Todos”, cuja maioria das fontes provem de poços, é importante que esta água passe por um controle de qualidade para que a população não venha a ter qualquer problema de saúde. “Já começamos o monitoramento dos 34 sistemas que já estão prontos, mas a intenção é chegar a todos os 192. Com isso, iremos garantir a qualidade da água que estamos distribuindo”, disse o secretário.

Ele explicou ainda que num momento em que o Estado passa por uma grande estiagem, algumas localidades terão problemas de abastecimento. Algumas serão servidas com carros-pipa e outras por água proveniente de poços. “Esta água precisa de controle e é esse o objetivo deste convênio, considerando que a Funasa dispõe de um laboratório móvel e pessoal habilitado, realizamos uma parceria onde o Governo o Estado vai arcar com o material necessário para a realização dos ensaios e a Funasa entra com o corpo técnico e laboratório”, completou.

Ana Cláudia Oliveira relatou que a Funasa já possui outras parcerias com o Governo do Estado que contribuem com o crescimento da Paraíba. Nesse caso, somaram-se a expertise da equipe e os laboratórios móveis e fixos da Superintendência, capazes de realizar exames de alta complexidade. “Foi necessário este novo convênio por possuirmos demandas já pré-estabelecidas, como o monitoramento do controle da qualidade da água para municípios que ainda não possuem a concessão da Cagepa, como também controle em áreas indígenas, e ainda de outras instituições onde fazemos esse acompanhamento”, explicou a superintendente.

A técnica da Funasa, Rosemare de Farias Oliveira, explicou que o laboratório considera diversos parâmetros para análise da água, a exemplo de PH, cor, turbidez, exames bacteriológicos, além de exames sobre a presença de flúor, cálcio e cloretos. A finalidade desses exames é determinar especialmente a qualidade para consumo humano.

Ana Cláudia e João Azevedo ressaltaram ainda que essa parceria, no que tange ao controle da qualidade da água, é inédita no Estado e tem o objetivo de proporcionar uma melhor qualidade de vida para as populações diretamente beneficiadas.

Secom-PB

Paulo de Pádua

Paulo de Pádua Vasconcelos é jornalista formado pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Tem especialização em Assessoria de Imprensa, no Curso de Comunicação Social, concluído pela FESP. Trabalhou, como repórter, em vários portais do Estado, a exemplo do WSCOM e ParlamentoPB, no BLOG de Luís Torres, por um determinado período, e também foi repórter dos cadernos de cidade, policial e política dos Jornais A UNIÃO e do extinto O NORTE. Além disso, foi coordenador de Comunicação Social e depois coordenador do Portal da Câmara Municipal de João Pessoa. Atualmente exerce a função de assessor de imprensa da Presidência da Câmara.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *