‘Peço que não divulgue a fita toda’, diz Bolsonaro ao ministro Celso de Mello

Durante sua live nesta quinta-feira, o presidente Jair Bolsonaro fez um apelo público ao ministro do STF Celso de Mello para que não autorize a divulgação na íntegra do vídeo da reunião ministerial ocorrida no último dia 22. O encontro é apontado como peça fundamental das supostas provas de interferência do presidente no trabalho da Polícia Federal, o que motivou a saída do ex-juiz da Lava Jato Sergio Moro do ministério da Justiça.

Em clima de revanchismo com parte da imprensa, Bolsonaro disse ter certeza que o STF não irá divulgar toda a reunião. “Vocês (se referindo à imprensa) vão perder amanhã, eu estou adiantando a decisão do ministro Celso de Mello. Não tem nada, não tem nenhum indício de que eu interferi em processo da PF naquelas duas horas de fita”, afirmou.

“Agora, eu só peço, não divulgue a fita toda.Tem questões reservadas, tem particularidades ali de interesse nacional. O resto, tem dois pedacinhos de 15 segundos que são questões de política externa do Brasil, e que não pode divulgar. Agora o resto, divulga! E tem muito palavrão também. Se por acaso divulgarem, tirem as crianças da sala”, brincou Bolsonaro.

“Às vezes sai um palavrão mesmo, sem ofender ninguém. Não é o caso de tornar isso público, porque senão vão falar: vê se esse homem está a altura do cargo que representa”, concluiu o presidente.

Fonte: https://www.otempo.com.br/coronavirus

 

Paulo de Pádua

Paulo de Pádua Vasconcelos é jornalista formado pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Tem especialização em Assessoria de Imprensa, no Curso de Comunicação Social, concluído pela FESP. Trabalhou, como repórter, em vários portais do Estado, a exemplo do WSCOM e ParlamentoPB, no BLOG de Luís Torres, por um determinado período, e também foi repórter dos cadernos de cidade, policial e política dos Jornais A UNIÃO e do extinto O NORTE. Além disso, foi coordenador de Comunicação Social e depois coordenador do Portal da Câmara Municipal de João Pessoa. Atualmente exerce a função de assessor de imprensa da Presidência da Câmara.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *