Protocolo Administrativo para o público externo passa a ser administrado pelo Telejudiciário

Setor responsável pela emissão de certidões do Poder Judiciário estadual, o Telejudiciário passa a administrar, também, o Protocolo Administrativo, mas, apenas, para o público externo. O serviço pode ser acessado, preferencialmente, por meio eletrônico, através do e-mail: protocolo.adm@tjpb.jus.br . Dessa forma, o usuário deve digitalizar o documento, enviar para o e-mail citado, aguardar o número do protocolo para, em seguida,  acompanhar o trâmite do processo no site do Tribunal de Justiça da Paraíba (www.tjpb.jus.br).

O atendimento presencial continuará na unidade do Telejudiciário. Em João Pessoa, funciona no térreo do Anexo Administrativo Desembargador Archimedes Souto Maior, na praça Venâncio Neiva, Centro da Capital.

De acordo com o gerente da unidade, Cláudio Alves de Ataíde, a utilização do correio eletrônico dará celeridade ao serviço, além de garantir comodidade ao usuário, que não precisará se deslocar até a sede do Tribunal de Justiça. “Mas, a opção do e-mail não impende da pessoa ser atendida, presencialmente, se assim preferir”, acrescentou o gerente.

O Telejudiciário tem, também, a atribuição de prestar informações processuais através de ofícios que chegam de várias partes do país, conforme informou Cláudio Ataíde. Trata-se de informações não disponíveis na rede mundial de computadores, internet, mas que são de suma importância para uma análise processual. “Tratar bem e atender como gostaria de ser atendido. É assim que fazemos no Telejudiciário, buscando cumprir a missão de melhor servir ao cidadão”, garantiu.

Certidões – Com a modernização do setor, que passou a expedir documentos online, o Telejudiciário emitiu 225.840 certidões, no período de setembro de 2017 a novembro de 2018. Os dados foram fornecidos pela Diretoria de Tecnologia da Informação (Ditec) do TJPB.  Mesmo com implantação do novo sistema (online), um total de 83.871 certidões foram emitidas pelos servidores do setor. Isso ocorre nos casos em que os documentos são retidos pelo sistema, e, por essa razão, têm que passar pelo crivo dos serventuários.

Telejudiciário – A rotina de trabalho no setor se divide entre atendimento por telefone, prestando informações processuais, estimulando o uso da tecnologia existente no site do Tribunal, o autoatendimento nos terminais instalados nas principais unidades judiciárias e, ainda, o atendimento presencial.

Secom-TJPB

Paulo de Pádua

Paulo de Pádua Vasconcelos é jornalista formado pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Tem especialização em Assessoria de Imprensa, no Curso de Comunicação Social, concluído pela FESP. Trabalhou, como repórter, em vários portais do Estado, a exemplo do WSCOM e ParlamentoPB, no BLOG de Luís Torres, por um determinado período, e também foi repórter dos cadernos de cidade, policial e política dos Jornais A UNIÃO e do extinto O NORTE. Além disso, foi coordenador de Comunicação Social e depois coordenador do Portal da Câmara Municipal de João Pessoa. Atualmente exerce a função de assessor de imprensa da Presidência da Câmara.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *