Secretaria da Saúde inicia Mês da Mulher com homenagem às servidoras

A Secretaria de Estado da Saúde iniciou a programação do Mês da Mulher, na manhã desta terça-feira (13), na sede da SES-PB, com uma homenagem às servidoras. As atividades tiveram início com um café da manhã, seguido por testes de glicemia e de pressão arterial. Também houve a exposição de bonecas confeccionadas no Centro de Reeducação Feminina Maria Júlia Maranhão e a exposição de fotos ‘Nascer’, na qual vários fotógrafos registraram partos e os primeiros momentos de bebês que nasceram na Maternidade frei Damião.

A abertura das atividades contou com a participação da secretária de Saúde da Paraíba, Claudia Veras; a secretária executiva de saúde do Estado, Maura Sobreira; a deputada estadual Estela Bezerra; a assistente social e responsável pelo Programa de Assistência às Mulheres Vítimas de Violência Sexual (PAMVVS) da Maternidade Frei Damião, Lúcia Lira; a ex-reeducanda do Júlia Maranhão, Márcia Peres; além de toda equipe feminina da SES-PB.

Claudia Veras abriu as atividades lembrando que o governo estadual vem desde 2011 agregando e concentrando diversas ações voltadas às mulheres. “Na verdade essas ações vêm sendo desenvolvidas ao longo dos anos, procurando dar visibilidade, buscando principalmente a autonomia das mulheres. Os cargos de chefia da SES-PB são majoritariamente ocupados por mulheres, que representam 75% dos gestores estaduais de saúde. Me sinto honrada em ocupar este espaço desafiador. Toda mulher sabe o quanto é desafiada diariamente, e mesmo assim fazemos tudo com amo, carinho e compromisso, mostrando que podemos estar nos lugares que quisermos”, disse.

Lúcia Lira falou sobre o trabalho realizado pelo Programa de Assistência às Mulheres Vítimas de Violência Sexual. “O PAMVVS foi o primeiro serviço desse tipo de atendimento implantado na Paraíba. É preciso acolher essas mulheres a partir do momento em que ela chega à unidade de saúde, com um serviço de qualidade, onde elas encontram carinho, cuidado e informação. O combate à violência contra a mulher requer um trabalho em conjunto, unindo profissionais de diversas áreas e com a participação ativa da população. Pensando, todos juntos, em como superar as dificuldades. Estabelecendo estratégias eficazes, daremos uma resposta satisfatória para a sociedade”, disse.

A deputada Estela Bezerra parabenizou as mulheres presentes e ressaltou a importância das mulheres ocuparem espaços. “Hoje não é só um dia de celebração, é um dia de luta. Dia para lembrarmos que, mesmo com alguns avanços, ainda existe uma grande desigualdade de direitos entre os gêneros. Queremos rosas, mas também queremos cuidado, atenção, respeito e igualdade de oportunidades”, afirmou.

“O impacto da presença das mulheres na sociedade é extremamente positivo. Continuamos sub-representadas. Na política, por exemplo, somos apenas 12% do Parlamento e 8% no Executivo. Precisamos estar mais presentes nesse espaço, pois uma mulher na política muda a mulher, mas muitas mulheres juntas mudam a própria política. Ainda há muita distância entre o que temos e o que queremos. Avançamos em várias áreas, porém ainda trabalhamos mais e ganhamos menos, 65% da massa salarial dos homens. Tenho orgulho de fazer parte de um governo que pensa e trabalha para uma sociedade igualitária. Hoje é um dia de auto-reconhecimento, de valorização da mulher, mas, sobretudo um dia de fortalecer o espírito para lutarmos por nossos direitos”, concluiu Estela.

Secom-PB

Paulo de Pádua

Paulo de Pádua Vasconcelos é jornalista formado pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Tem especialização em Assessoria de Imprensa, no Curso de Comunicação Social, concluído pela FESP. Trabalhou, como repórter, em vários portais do Estado, a exemplo do WSCOM e ParlamentoPB, no BLOG de Luís Torres, por um determinado período, e também foi repórter dos cadernos de cidade, policial e política dos Jornais A UNIÃO e do extinto O NORTE. Além disso, foi coordenador de Comunicação Social e depois coordenador do Portal da Câmara Municipal de João Pessoa. Atualmente exerce a função de assessor de imprensa da Presidência da Câmara.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *