Banco Central revela que sistema de pagamento instantâneo se chamará ‘Pix’

No ano passado, o Banco Central anunciou seus planos para um novo sistema de pagamentos e transferências instantâneas que poderia substituir os DOCs e TEDs. Agora, Roberto Campos Neto, presidente do órgão, abriu o jogo pelo menos em relação ao nome do serviço, que se chamará “Pix”.

O anúncio foi feito durante entrevista à rede de TV Globonews na noite de quarta-feira (12). Na ocasião, Campos Neto afirmou que o BC havia decidido pelo nome ainda naquele mesmo dia, e que a projeção de lançamento era para o fim de 2020.

O Pix, por sua vez, se baseará em QR Codes para permitir as transferências instantâneas. O sistema também será capaz de proporcionar mais agilidade no pagamento de boletos, cujo processamento pode demorar até três dias úteis, mas devem ser feitos de forma imediata.

Campos Neto também foi questionado sobre outros detalhes, mas afirmou que não. Ele ainda afirmou que sequer sabia se poderia revelar que o nome do sistema será Pix, mas acabou revelando de qualquer forma.

Fonte: Olhar Digital

Foto: Pollyana Ventura/iStock

 

 

 

Paulo de Pádua

Paulo de Pádua Vasconcelos é jornalista formado pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Tem especialização em Assessoria de Imprensa, no Curso de Comunicação Social, concluído pela FESP. Trabalhou, como repórter, em vários portais do Estado, a exemplo do WSCOM e ParlamentoPB, no BLOG de Luís Torres, por um determinado período, e também foi repórter dos cadernos de cidade, policial e política dos Jornais A UNIÃO e do extinto O NORTE. Além disso, foi coordenador de Comunicação Social e depois coordenador do Portal da Câmara Municipal de João Pessoa. Atualmente exerce a função de assessor de imprensa da Presidência da Câmara.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *