Bolsonaro quer reforma para todos os segmentos, avisa Secretário da Previdência

A Reforma da Previdência é prioridade no governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL) e deve atingir todas as categorias inclusive os militares das Forças Armadas, mas eles vão tentar ficar de fora.

A medida é considerada pela equipe econômica como essencial para sanear as contas públicas e reduzir o déficit da previdência no futuro.

O secretário especial de Previdência do Ministério da Economia, Rogério Marinho, disse que todos têm que contribuir e que ninguém vai ficar de fora da Reforma que deve atingir as estruturas de estados e municípios.

De acordo com dados do Ministério da Economia, o déficit somado do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), sistema público que atende aos trabalhadores do setor privado, e dos Regimes Próprios dos Servidores Públicos (RPPS) da União, além do sistema dos militares, atingiu R$ 290,297 bilhões em 2018.

Desse valor total, o rombo do regime dos servidores militares, por sua vez, avançou de R$ 37,68 bilhões, em 2017, para R$ 43,9 bilhões em 2018.

Fonte: Portal T5

Paulo de Pádua

Paulo de Pádua Vasconcelos é jornalista formado pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Tem especialização em Assessoria de Imprensa, no Curso de Comunicação Social, concluído pela FESP. Trabalhou, como repórter, em vários portais do Estado, a exemplo do WSCOM e ParlamentoPB, no BLOG de Luís Torres, por um determinado período, e também foi repórter dos cadernos de cidade, policial e política dos Jornais A UNIÃO e do extinto O NORTE. Além disso, foi coordenador de Comunicação Social e depois coordenador do Portal da Câmara Municipal de João Pessoa. Atualmente exerce a função de assessor de imprensa da Presidência da Câmara.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *